Gases Fluorados - R134a

  Desde 2011 que todos os veículos com nova homologação e peso inferior a 3500 quilos dispõem do novo gás de refrigeração R1234yf no seu sistema de climatização, sendo este o substituto do R134a por ser menos poluente.

 

  Harmonização dos requisitos técnicos para homologação de sistemas de ar condicionado. Cada vez mais Estados membros desejam a regulamentação destes sistemas devido à decisão 2002/358/CE do Conselho, de 25 de Abril de 2002. Esta decisão obriga a Comunidade e os Estados membros a reduzir as emissões com efeito de estufa.

  As emissões de hidrofluorcarboneto R134a, cujo potencial de aquecimento atmosférico ascende a 1300, procedentes dos sistemas de ar condicionado dos veículos com motor, constituem um motivo de preocupação.

  É necessário limitar a possibilidade de equipar “a posteriori” veículos com sistemas de ar condicionado concebidos para utilizarem fluorados com efeito de estufa de potencial de aquecimento atmosférico superior a 150.

  A Honeywell e a DuPont, duas fabricantes de compostos químicos, inventaram o R1234yf, o qual atendia aos requisitos da lei.

 

 

HOMOLOGAÇÃO

A nova legislação define que desde o dia 1 de Janeiro de 2011 todos os Estados membros deixarão de emitir homologações CE e nacionais a veículos com sistemas de ar condicionado com gases fluorados com potencial de aquecimento atmosférico superior a 150.

A Directiva n.º 2006/40/CE foi transposta para a legislação nacional através do Decreto-Lei n.º 135/2008, datado de 21 de Julho.